Aluno nota 1000 do Enem 2019 da Bahia é de Vitória da Conquista

João Pedro escreve bem por se dedicar ao estuda da Gramática (foto: Arquivo pessoal)

João Pedro Silva Bonfim, natural de Vitória da Conquista, foi o único estudante baiano entre os 53 que conseguiram a proeza de tirar nota 1000 no Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, de 2019. Contrariando algumas teorias consideradas modernas, João Pedro é apaixonado pelo estudo da Gramática. Se se domina a estrutura e formação das palavras e suas funcionalidades no texto é claro que escrever fica mais fácil. Embora apaixonado pela Língua Portuguesa, ele quer ser médico. No global, fez 755 pontos. Essa pontuação não é definitiva e os pontos obtidos na redação devem ajudá-lo.

João Pedro é aluno de escola particular e também participou de cursinhos. Ela tem apenas 19 anos e sua vida tem sido dedicada aos estudos, com maior foco na Redação e nas Ciências Naturais. “Estou esperançoso de conseguir uma vaga, mas vai depender desses critérios”, comentou João Pedro, em reportagem do jornal Correio 24 horas. Ele também estuda para ser aprovado no vestibular da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – Uesb, nos próximos dias 2 e 3 de fevereiro.

João Pedro Silva Bonfim estudou os cursos Fundamental e Médio no Colégio Sacramentinas – escola particular de Vitória da Conquista das mais conceituadas. Também fez curso de redação no Ao Pé da Letra. Seu professor de Redação, Vanderli Marques da Silva, 45, conhecido como Bitty, disse ao Correio 24 horas que o apreço de João Pedro pelas letras – bem como pela norma culta da Língua Portuguesa – é um ponto forte. Fica aqui a dica para os professores de Língua Portuguesa que insistem em dizer que é ultrapassado ensinar Gramática nas escolas.

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta