Ex-primeira dama de Fátima, Dona Ludi, morre aos 92 anos

Dona Ludi, ex-primeira dama de Fátima, falece aos 92 anos (foto: Divulgação)

     Maria de Lourdes Branco de Oliveira, mais popularmente conhecida por Dona Ludi, a primeira mulher a ocupar o honroso cargo de 1ª dama do município de Fátima, faleceu nesta quinta-feira (08). Ela tinha 92 anos e teve falência de múltiplos órgãos. Dona Ludi era viúva do primeiro prefeito, e líder político por muitos anos, João Maria de Oliveira. Além de 1ª Dama, Maria de Lourdes é conhecida pela luta, ao lado do marido, na emancipação do município de Fátima. Ela também foi tabeliã do Cartório de Registro Civil, que funcionava em sua própria residência. O vereador Rodrigo de Lourival, presidente da Câmara Municipal de Fátima, em nome do Poder Legislativo, emitiu Nota de Pesar, reconhecendo o empenho e dedicação de Dona Ludi ao povo de Fátima. Várias pessoas que a conheciam de perto destacam o seu papel de ser humano sempre preocupado com o próximo. O enterro será nesta sexta-feira pela manhã, no cemitério da cidade de Fátima-Ba, por volta das 9 horas. 

Colaborou: Prof. José Augusto Souza

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta