Fernando Collor envolvido novamente em corrupção!

O senador por Alagoas volta a se envolver com a corrupção (foto: GGN)

O ex-presidente da república e atual senador por Alagoas, Fernando Collor de Mello, parece não ter aprendido a lição. Continua metido em falcatruas. Ele é alvo da PF (Polícia Federal) em operação iniciada na manhã desta sexta-feira (11) que investiga lavagem de dinheiro. A informação foi confirmada pelo jornal O Estado de S. Paulo e publicada no R7.

As autoridades cumprem 16 mandados de busca e apreensão nas cidades de Maceió (AL) e Curitiba (PR), expedidos pelo STF (Supremo Tribunal Federal). As investigações têm como objetivo identificar e comprovar o envolvimento de Collor em compras de imóveis em leilões públicos nos anos de 2010, 2011, 2012 e 2016 com o objetivo de lavar dinheiro. A PF estima que o esquema movimentou algo em torno de R$ 6 milhões. 

A PF afirma que os envolvidos poderão responder na medida de suas responsabilidades pelos crimes de lavagem de ativos, corrupção ativa, corrupção passiva, peculato, falsificações e pelo tipo penal de Integrar Organização Criminosa. Fernando Collor de Mello tem um comportamento comum aos nossos políticos, em sua maioria: mudam a forma de roubar, mas nunca deixam de fazê-lo.

Curioso é que a mídia dita “de esquerda” vem postando reportagens com Collor como crítico da ação da Polícia Federal. Ou seja, são os agentes da PF colocados quase como bandidos. Não demorará muito para vermos Collor, Cunha, Sarney, Lula, Temer, José Dirceu, Flávio Bolsonaro, Queiroz, Gilmar Mendes e tantos outros, todos unidos, numa só voz, defendendo o estado democrático de direito contra a Polícia Federal e a Operação Lava Jato.  

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta