Heliópolis perde segunda vítima para Covid-19

Edirlaine tinha 36 anos e é a 2ª vítima da Covid-19 nascida em Heliópolis (foto: álbum de família)

O município de Heliópolis tem apenas 3 casos de Covid-19, sem vítima entre seus moradores. Entretanto, há muitos nativos do município espalhados pelo Brasil afora. A primeira vítima foi Bruno Pacheco, de 32 anos, que residia em São Paulo (Leia aqui). Ontem, quinta-feira (25), a cidade ficou mais uma vez triste com a notícia da morte de Edirlaine de Oliveira Gama, 36 anos, natural do povoado Serra dos Correias, nascida em 30 de dezembro de 1983, filha de Mazila de Oliveira Gama e José Elson Cardoso da Gama. Ela morreu vítima da Covid-19 em Aracaju, capital sergipana. Edirlaine era casada com Walter Ribeiro e deixou um filho: Marcos Vinícius Gama Santana. Ela vivia em Aracaju há mais de 17 anos, mas a família fará o sepultamento no cemitério da Serra dos Correias na manhã desta sexta-feira (26), só com a presença, mesmo que distante, dos familiares mais próximos. As duas vítimas tinham menos de 40 anos e serve de alerta para aqueles que ainda acreditam que a doença é só fatal para idosos. 

Colaborou: Fabiano Gama.

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta