“Minha vontade é de encher tua boca de porrada!”

Bolsonaro foi eleito pelo processo democrático, mas não gosta da imprensa (foto: Folha/UOL)

O Presidente da República Jair Bolsonaro voltou hoje ao seu agir comum e destratou um repórter do jornal O Globo. O jornalista perguntou sobre os depósitos em cheque feitos por Fabrício Queiroz na conta de Michelle Bolsonaro. O presidente respondeu que tem “vontade de encher sua boca de porrada”. A declaração do presidente ocorreu durante sua visita à Catedral de Brasília, neste domingo (23). Outros jornalistas perguntaram se a resposta era somente para o repórter ou se para a imprensa de um modo em geral, mas ele não respondeu. Mais tarde, foram enviados pedidos de explicação ao Palácio do Planalto, mas não houve respostas. Esta não é a primeira vez que o presidente solta impropérios. Esta semana, em visita ao Nordeste, Bolsonaro afirmou que no governo ele era “imbroxável”. Diante da plateia em polvorosa, o presidente completou: “E não sou imbroxável só no governo, não. Tenho uma filha de 9 anos.” Está claro que nosso presidente não segue as normas da liturgia do cargo, confundindo ser popular com atitudes inapropriadas, discorrendo para a baixaria. 

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta