Morte de baiana em São Paulo pode ter sido erro médico

Oberleide tinha 23 anos e dizia estar feliz em São Paulo (foto: WhatsApp)

A jovem de 23 anos Oberleide Rosário de Jesus, moradora do bairro Vila Antártica, natural da Bahia, faleceu nesta quarta-feira (31), no município de Praia Grande, em São Paulo. Tudo começou quando Oberleide foi medicada na UPA – Unidade de Pronto Atendimento – de Quietude, também em Praia Grande. O que parecia ser um mal passageiro, por ir ao médico ao sentir dores no corpo e febre, acabou se complicando. Ao chegar em casa, a jovem começou a ficar cheia de manchas roxas por todo o corpo. Ela foi medicada na UPA sem fazer nenhum exame e pode ter sido vítima de um erro médico. Levada para o hospital de Praia Grande, Oberleide foi entubada e iniciou um tratamento, mas não resistiu e veio a óbito.

Oberleide Rosário nasceu no povoado Angico, localizado às margens da BA 393, na fronteira do município de Fátima com Heliópolis. Era filha de Orleide Benevides e foi para São Paulo ganhar a vida como manicure e pedicure. No último contato que teve com a vereadora Ana Dalva, sua amiga, disse que estava bem e feliz ao lado de seu companheiro. Não deixou filhos. A família espera o laudo para tomar as providências jurídicas que o caso requer. O corpo de Oberleide chegará nesta sexta-feira (2) e será enterrado por voltas de 16 horas, saindo o féretro do povoado Angico.

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta