Movimento Cultura Livre sempre!

     Diversos artistas brasileiros, dentre eles Chico Buarque, Malu Mader, Debora Bloch, Julia Lemmertz, Arnaldo Antunes, Marco Ricca, Zélia Duncan e outros destacaram o papel da cultura para a construção da cidadania, em um vídeo do movimento Cultura Livre. O gesto é bem vindo e se espera que os artista deixem suas ideologias de lado para evitar abusos cometidos por vários deles, inclusive com financiamento público. É preciso cortar quaisquer ideias associadas a movimentos de censura, mas já temos uma cultura desenvolvida para também começar a separar o joio do trigo. Ser bolsonarista ou lulista é problema de cada um, opção pessoal, mas envolver produção cultural com a política extremista ou partidária, seja ela de esquerda ou direita, é reduzir a nossa capacidade criativa e comprometer os avanços conseguidos em mais de cinco décadas. A cultura é para servir ao povo e não aos políticos. 

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta