Poucas & Boas 2020.01

Procura-se um candidato em Pombal

Mistério: até aqui ninguém sabe quem será o candidato preferido do prefeito de Ribeira do Pombal.

No primeiro Poucas & Boas de 2020, lançamos um desafio: quem será capaz de descobrir o candidato do prefeito de Ribeira do Pombal? O nome está mais escondido que agulha em palheiro. Perguntamos a muita gente e ninguém sabe dizer. Nem o jornalista e radialista Joilson Costa sabe, mesmo sem ser inocente. Já que o nome não surge, não seria demasiado pensar em arrogância do alcaide? É que pode passar a ideia de que o povo votaria em qualquer um que ele indicasse, e isso não é verdade. A popularidade de Ricardo Maia é alta, mas certos nomes não passam fáceis pela garganta do eleitor. É hora de começar a construir uma candidatura. Demorar demais é permitir licença para o azar. De repente, alguém pode resolver desafiar o prefeito e…

Candidato da oposição em Pombal

Também a oposição

Zé Grilo está fora da disputa!

não tem candidato. É verdade que Zé Grilo, ex-prefeito, já colocou o nome na estrada, mas está inelegível. Suas contas de 2011 foram rejeitadas e as de 2012 já pousaram na Câmara Municipal, prestes a levarem 12 pauladas na nuca. Não há saída para ele. O que resta é ficar pousando de candidato para valorizar uma suposta desistência lá na frente. Até o indicado vice de Zé Grilo, Gordo de Dadá, teve suas contas eleitorais rejeitadas. A chapa não é apenas inviável. Ela não existe. Se continuar desse jeito, e não aparecer nenhum corajoso opositor, com a faca nos dentes e limpo, Ricardo Maia vai indicar um nome que faça parte do seu status quo político e vencerá as eleições sem maiores problemas. Não seria absurdo pensar em chapa única.

Terceira via em Poço Verde?

Um eleitor de Poço Verde chamou nossa atenção para uma articulação que está acontecendo, sem despertar interesse dos políticos encastelados no poder, ou que já lá estiveram. Trata-se de uma chapa que começa a circular de boca em boca, ninguém sabe se por vontade popular ou por engenharia de alguém. Pensem na chapa Professor Lourinaldo e Ina Valéria, apoiada pelo senador Alessandro Vieira, do Podemos? Lourinaldo já é jogada certa, mas Ina apareceu de surpresa. Ela é irmã de Edna Dória e foi candidata a vereadora na última eleição, na chapa do atual prefeito. Foi abandonada duas vezes, uma pelo cunhado e outra pelos Oliveiras. Se alguém duvida da existência de uma terceira via em Poço Verde, comece a fazer as contas. Se o vice-prefeito Barracão brigou novamente com Iggor Oliveira, Toinho de Dorinha vai ter como adversário um professor, tendo uma professora e cunhada na vice. Seria inédito.

João de Deus em Salvador

O presidente municipal do PDT, João de Deus Ferreira Lino, esteve em Salvador numa vista ao deputado Félix Mendonça. Na pauta, as novas filiações ao partido em Heliópolis. Agora está nas mãos do deputado a engenharia do tempo. Ficou para ele definir qual a melhor data do evento de filiações, como também o melhor local. Se tudo ocorrer como se espera, as vereadoras Maria da Conceição e Ana Dalva migrarão para o PDT, assim que a janela se abrir. Além delas, Vitor Marrocos, Fabiano Gama, Van da Barreira e mais quatro nomes, ainda não revelados.

Mais um capítulo de novela

E continuam os intermináveis capítulos da novela Amor de Ronaldo. Nela, as definições são guardadas a sete chaves. Mas, algumas revelações começam a aparecer. A primeira é que a oposição começa a descobrir que era só um jogo para uma nova lua-de-mel entre o vereador e o prefeito Ildinho. Os dois foram vistos lá para as bandas do Riacho. Ronaldo não esconde, quer ser vice. Um eleitor sagrado do grupo do prefeito diz até que está tudo resolvido. Ronaldo aceitou a chapa Thiago Andrade/Valdir do Bujão, depois da oferta da secretaria de saúde. Mas tudo não passa de especulação. Verdade seja dita, o martelo ainda não foi batido. Só que a oposição cansou de esperar, mesmo que a novela siga até o mês de junho.

Ong Transparência Jeremoabo

Deri do Paloma: prefeito imbatível!

Uma postagem feita pelo portal Ong Transparência Jeremoado deve ter deixado o prefeito Deri do Paloma cheio de orgulho. Nenhum prefeito conseguiu tamanha habilidade como ele. Foi aquele que mais praticou nepotismo na administração, peitou decisões judiciais contrárias, inclusive liminares. Também Deri foi o responsável pelo Ticket Combustível, só que era fornecido pelo seu próprio posto de gasolina. Além disso, atrasou salários, férias, 13º. Não recolheu INSS dos servidores nem honrou os consignados. Teve ainda a audácia de não repassar o Duodécimo à Câmara Municipal e deixar ocorrer sequestros e mais sequestros de FPM. Um prefeito ousado e inigualável. Só na Bahia ele consegue estar ainda livre e exercendo seu mandato normalmente sem ser incomodado. Deve ser candidato à reeleição com amplas possibilidades!

Ainda não está na hora

Adilson ainda será vice?

Um articulista ligado ao grupo do prefeito Ildinho disse que Thiago Andrade é pré-candidato a prefeito e está muito bem, mas não vê com bons olhos fechar a chapa agora com Valdir do Bujão na vice. Ele aposta que o grupo de Aroaldo Barbosa será rifado da vice de Mendonça. Adilson de Aroaldo ainda sonha em manter a chapa da eleição passada. Só que a disputa é grande. Na lista está Zé do Sertão e Soraia, pelo menos. Claro que Mendonça sonha com o vereador Ronaldo, que seria de longe o seu melhor vice. Fora disso, sobraria a candidatura de Soraia, irmã do candidato a vereador Raul de Ioiô. Uma mulher na chapa é uma garantia de quase sucesso. Ocorre que não se pode jogar um vice já eleito fora. Por isso, Zé do Sertão é o vice provável. O problema é que o grupo do ex-prefeito, além de ser forte, tem o vereador mais votado e a simpatia do empresário Celso Oliveira. Este último não vê com bons olhos a candidatura de Mendonça, será que suportará ficar sem a vice? É aí que o nosso articulista espera uma reviravolta. Ele tem certeza que Valdir do Bujão não se importaria em ceder espaço para ganhar uma eleição. É isso.

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta