Salvador tem cinco dias de festa sem registro de morte

Sistema registra o número de foliões e garante segurança (foto: divulgação SSP.BA)

Pouco mais de 10 milhões de baianos e turistas já curtiram o Carnaval de Salvador, nos cinco dias oficiais da festa. Não houve registro de morte nos circuitos Dodô (Barra/Ondina), Osmar (Centro) e Batatinha (Centro Histórico).

No quinto dia da folia foram contabilizados 19 roubos, 117 furtos e 23 lesões corporais. “Fazemos a segurança em um Carnaval de rua, em bairros habitados, dificultando o controle do que já está dentro dos circuitos”, destacou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Acrescentou que houve uma confirmação da migração do público para o circuito Dodô. “Seis milhões de pessoas ocuparam os bairros da Barra e Ondina, o dobro do que foi registrado no Centro da cidade. Agora temos números reais, através do nosso sistema de Reconhecimento Facial, que permitirão adequações no planejamento”, completou Barbosa.
Fonte: Ascom/SSP/Alberto Maraux

Landisvalth Lima

Professor, escritor e jornalista. Editou os jornais A Voz da Região (Serrinha-Ba), Tribuna do Nordeste (Ribeira do Pombal-Ba) e A Voz do Sertão (Heliópolis-Ba). Trabalhou na Rádio Difusora de Serrinha e foi repórter colaborador dos jornais Correio da Bahia e Jornal da Bahia. É autor dos livros A mulher do Pé de Cabra, Cariri Sangrento e A Esquerda Bastarda (romances); Patologias Educacionais do Semiárido Baiano (Tratado) e O Avesso do Exato (poesia). Foi professor de Língua Portuguesa dos colégios Brasilia e Colégio do Salvador (Aracaju-Se), Waldir Pires (Heliópolis-Ba), Evência Brito (Ribeira do Pombal-Ba) e Colégio Professor João de Oliveira (Poço Verde-Se). Atualmente mantem o Landisvalth Blog, é professor e Vice-Diretor do Colégio Estadual José Dantas de Souza e administrador e editor do Contraprosa.

Deixe uma resposta